Porque Sim

Domingo, 22 de Novembro de 2009

Hoje fui à missa de sétimo dia pela  morte do meu pai.

Foi bom poder relaxar durante os 45 minutos que durou a missa, o que significa que algumas das palavras ditas pelo padre Manuel eu não escutei. Melhor dizendo, o meu corpo estava na capela, o meu espirito vagueou sabe-se lá por onde,apenas...foi ao encontro de Deus.

Hoje apenas necessitei de um lugar que não fosse a minha casa ou a da minha mãe para poder dar largas à minha vontade de conversar com Ele.

A falar verdade, já perdi a conta sobre à quanto tempo não ía à Igreja, bom, estive na Festa na missa cantada em Fado, mas essa é uma missa sui generis e como tal não é a mesma que a missa Dominical.

E é aqui que começa o problema, o que vou eu fazer aos Domingos à missa, se o meu espirito em vez de lá estar vagueia por todo lado menos ouvir o padre Manuel?

Conversei com algumas pessoas umas de familia e outras amigas, que até nem são de aqui, e o problema é o mesmo...estamos em todo o lado, menos com sentido na missa.

Ambas chegamos à conclusão que a missa, por muito que seja a palavra de Deus, o discurso é todos os anos praticamente o mesmo, então a missa tornou-se uma rotina.

O que varia é aquilo que o pároco nesse dia possa falar durante a homilia. Confesso que o Padre Manuel até é um padre com dom de palavra e não deixa de interagir com os paroquianos, mas... de à uns anos a esta parte, preciso de muito mais do que isso.

E o que fiz?

Aprendi a conversar com Deus.

Chamem-me de louca, que não é mentira, mas a grande verdade é que aprendi a falar com Deus.

Para mim, esteja onde estiver, se sentir essa necessidade, faço uma pausa e converso com Ele, lógico que em pensamentos, qual telepatia.

São sempre momentos interessantes e muito ricos, porque não me sinto sozinha, Ele está comigo, e já não é a primeira vez e não será decerto a última que algum dia me verão a rir sozinha enquanto ando pela rua, mas a verdade é que eu sei que Ele me ouve e me dá aquela força, a tranquilidade que tantas vezes preciso e ela não quer surgir.

Esta ideia de escrever este post, não surgiu de agora, surgiu quando levantei um livro que considero interessantissimo, para quem gosta de livros com alguma mensagem, e que fala um pouco sobre o facto de não conversarmos com Deus.

Tive de me sentir feliz porque eu converso com Ele, e já senti muitas vezes, em horas de desespero que Ele esteve sempre comigo a todas as horas embora eu pudesse não querer ouvi-lo porque estava aborrecido comigo  e com o mundo,mas a verdade é que Ele estava ali a vigiar-me a apoiar-me e a mostrar -me qual o caminho a seguir.

Questiono muito o que a Igreja construiu para passar a palavra de DEUS.

Mas o que não questiono é a sua existência.

Está bem, dir-me-ão que a Igreja ou a ida à missa é fundamental, talvez seja, hoje até me senti muito bem lá, mas não me perguntem o que lá se passou, hoje, estive com ELE.

Chamem-me o que quiserem, mas sei o caminho a seguir, vejo a Luz sempre que necessito e aconselho-vos a fazerem o mesmo que eu:

Não se esqueçam, que ELE não nos abandona, está sempre ao nosso lado, a todas as horas.

Agora é preciso  nem que seja um minuto, saibamos falar com ELE, não esquecê-lo.

Acredito, que se não fosse ELE, não sei se teria aguentado aqueles minutos de desespero, aqueles minutos em que vi o meu pai partir e nada poder fazer, mas naquela altura senti que não estava sozinha, que teria de ser assim porque DEUS achou que a sua hora chegara.

E aqui estou Senhor, hoje tirei a maior parte do meu dia para falar contigo, e sim, lá me deste um pouco mais de ânimo, para continuar a lutar pelos meus objectivos sendo que um deles é não me esquecer nunca da TUA existência.

Obrigado por este bocado.

Obrigado pela dor e tristeza que me deste, mas a verdade é que me tornaste mais forte.

Obrigado por mais esta aprendizagem, e como este texto já vai longo dir-te-ei:

Senhor, desculpa lá qualquer coisinha, mas afinal, melhor do que ninguém sabes como sou, com todas as minhas fraquezas, as minhas dúvidas, as minhas alegrias, mas sempre

CONTIGO no meu coração.

Agora vou dormir, amanhã,se tu quiseres, sim porque tu é que sabes se devo ou não acordar, converso um pouco mais contigo.

Até porque mesmo nos bons momentos, nunca passo ao lado de TI.

Um destes dias, tentarei estar inspirada para vos escrever sobre a felicidade.

sinto-me: conversei com DEUS
publicado por alzirota às 22:37

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

15
16
17
19
20
21

23
24
25
26
27
28

29
30


Últ. comentários
Parabens Para a Ana para os Avos, e bem Vindo Ant...
Amiga boa tarde.Nos conheçemos desde sempre, e ain...
Olá amiga!Aqui estou eu para te deixar um sorriso ...
Amiga sem palavrasSem palavras mesmoBeijo
obrigado, e todos os sitios são sempre os adequado...
Amiga não é o sitio mais indicado mas aqui vai os ...
opá, essas coisas não se dizem. Fazem-se.AHHHHHHHH...
Tou cm saudades daquele strip, lembras? Bjinhos
Obrigado.É sempre gratificante para mim, saber que...
Boa tarde amigaEsta lindo parabens, esta com um es...
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro